Artrite Canina – Análise Completa da Doença

Artrite Canina – Análise Completa da Doença

Artrite canina: entenda a doença, sintomas, diagnóstico e tratamento. Saiba como a fisioterapia veterinária é importantíssima na recuperação da artrite canina

Marque em poucos cliques uma consulta na Fisio Care Pet. Encontre a unidade Fisio Care mais próxima de você e trate seu pet agora mesmo

Todo mundo, em algum momento da vida, já ouviu falar da artrite canina. Ela é caracterizada por uma inflamação de uma ou várias articulações do corpo, sendo uma das principais causas da entrada de animais, principalmente os idosos, nas clínicas veterinárias.

Por vezes ficamos surpresos com o fato dos pets poderem desenvolver as mesmas doenças que nós, seres humanos, lembrando o quão parecidos somos em questões de biologia e genética. A artrite canina, assim como a humana, exige atenção pois trata-se de uma doença comum, mas que pode ao longo do tempo atrapalhar, e muito, a qualidade de vida dos pets.

Compreenda melhor o que é a artrite canina

A artrite animal é uma doença inflamatória das articulações, que normalmente leva a osteoatrose, muito comum nos cães em uma idade mais avançada. Costuma aparecer quando começa o desgaste da cartilagem das articulações, o que acaba gerando osteófitos que pouco a pouco vão piorando e agravando os sintomas, deteriorando a qualidade de vida e a rotina natural dos cães.

Os tipos de artrite em cães

A artrite em cães pode ser classificada em:

1. Artrite Reumatóide: uma das mais comuns. É uma doença com origem auto-imune, de caráter crônico, e faz com que o pet sinta muito desconforto e sofrimento quando se locomove. Acomete principalmente as patas dianteiras.

2. Artrite Séptica: é causada pela invasão de agentes, seja por fungos ou bactérias. Nesse caso, ocorre uma severa inflamação na articulação, dificultando o desempenho físico do animal nos mais simples movimentos rotineiros. Atinge, na maioria dos casos, cães jovens.

3. Osteoartrite/Osteoartrose: ocorre quando há uma degeneração na cartilagem articular do animal. É de origem crônica e atinge, principalmente, animais que estão acima do peso. Cães de grande porte ou gigantes são os mais predispostos.

4. Artrite Gotosa: é desencadeada uma inflamação devido a microcristais minerais de urato. Pode acometer cães de diferentes idades e portes, afetando, na maioria dos casos, as falanges do cão (dedos).

Principais causas da artrite canina!

Apesar de ser considerada uma doença comum nos cães, alguns fatores fazem com que a artrite canina seja mais fácil adquirida. Entre elas:

  • Sobrepreso: a obesidade canina faz com que as articulações tenham que suportar mais peso do que deveriam;
  • Idade: a partir dos 8 anos é normal que as articulações e ossos comecem a se desgastar, causando a artrose;
  • Genética: algumas raças têm mais predisposição a sofrer dessa doença, como o Pastor Alemão;
  • Operações na articulações: quando submetidos a cirurgia nas articulações, os pets podem desenvolver a artrose mais facilmente quando chegam à velhice;
  • Porte grande: quanto maior o peso do pet, maior é o trabalho que as articulações possuem para segurar o animal, facilitando o aparecimento de problemas como a artrite.
  • Piso escorregadio: quando o cão vive em piso escorregadio como porcelanato e madeira, ele tende a ter maiores lesões articulares.

Os sintomas mais comuns em cães com artrite!

Cães com artrite costumam apresentar sintomas que passam por:

1. Rigidez e dificuldade para se levantar pela manhã.

2. Resistência para passeios.

3. Mancar.

4. Desinteresse em brincadeiras, deixando de correr e até caminhar em determinadas situações.

5. Dificuldade em subir em camas, móveis e até escadas.

6. Apresenta clara reação de dor quando lhe tocam as patas.

7. Pode emitir gemidos em situações de dor.

8. Dor crônica.

9. Perda de apetite.

10. Fica mais distante de seus donos, evitando carinhos e brincadeiras.

11. Podem perder o brilho dos olhos pelas constantes crises de dor.

12. Alguns pets podem apresentar agressividade como forma de se proteger.

13. Dificuldade para se coçar ou lamber.

O diagnóstico para cães com artrite

O diagnóstico para artrite canina é feito por um médico veterinário ortopedista através de um exame clínico completo e, se necessário, o uso de raio-x. Em alguns casos, quando necessário, outros exames laboratoriais também podem ser pedidos. Nem sempre os sinais descritos acima são indicativos de artrite, por isso a importância de uma avaliação profissional.

Tratamento para cães com artrite!

O tratamento para artrite canina, a princípio, se utiliza de anti-inflamatórios que melhoram as dores e ajudam no retorno da mobilidade das articulações afetadas. Em casos muito graves recorre-se a intervenção cirúrgica com o intuito de eliminar os osteófitos (proliferação óssea anormal) que obstruem as articulações ou até mesmo a artrose, que retira a mobilidade da articulação através de implantes metálicos.

Em todos os casos, inclusive os que também envolvem artroses, a fisioterapia veterinária se tornou um grande aliado! As diferentes técnicas detêm o processo de deterioração das articulações, combatendo as dores crônicas, fortalecendo os músculos e articulações e reabilitando os pets de forma gradual sem exigir esforços que causem mais dor.

Os tratamento menos invasivos e que vêm obtendo ótimos resultados no controle da dor e melhora da qualidade de vida e bem estar dos pets tem sido a fisioterapia através de agentes físicos (laserterapia, eletroterapia, magneto, fotorerapia), em união com a hidroterapia veterinária, que promove exercícios controlados de baixo impacto em uma esteira aquática, evitando o contato com o solo duro.

Encontre uma clínica profissional preparada para reabilitar seu pet com qualidade e consciência!

A Fisio Care Pet investe pesado em qualificação profissional e forte infraestrutura para oferecer aos seus pacientes o que há de melhor na fisioterapia veterinária, respeitando cada caso e paciente com um programa de reabilitação ideal!

A artrite canina é uma doença que merece cuidado! A reabilitação é um processo contínuo e que necessita conscientização, principalmente dos tutores, para que os resultados sejam cada vez mais satisfatórios. Encontre agora mesmo a unidade Fisio Care mais próxima de você e marque uma consulta! Venha ver como podemos traçar um programa de reabilitação ideal para o seu animalzinho.

Páginas Sugeridas

Deixe uma resposta