Pesquisar
Close this search box.
Blog Fisio Care pet
fique por dentro das novidades
Categorias: ,

Como Fazer o Cachorro parar de Latir?

Índice

Você sai para trabalhar e quando volta os vizinhos estão reclamando que o seu cachorro não parou de latir um minuto? Pois saiba que essa é uma situação muito comum e é possível aprender como fazer o cachorro parar de latir através de algumas ações simples do dia a dia.

Nesse artigo, a Rede Fisio Care Pet irá tratar dos principais motivos que fazem um cachorro latir em excesso e quais as melhores medidas que podemos adotar para entender como fazer o cachorro parar de latir. Vamos lá?

  • A Fisio Care Pet é a maior rede de centros de reabilitação do Brasil e este texto é meramente informativo aos donos de pets, atuamos apenas com ortopedia, neurologia, ozonioterapia, fisioterapia e acupuntura veterinária.

Os cachorro latem!

O primeiro ponto que deve ser compreendido é que os cachorros latem. Ou seja, as medidas sugeridas aqui não tem como intuito fazer do seu cachorro um animal mudo. O latido é a forma natural do cão se expressar, demonstrar alegria ou estranheza.

Por isso, para quem ama os bichinhos de quatro patas, conviver com latidos deve ser encarado como algo normal. Entretanto, identificar quando o latido do cachorro é excessivo e está se tornando um problema também é fundamental para a saúde do seu cão, sua e dos seus vizinhos.

Por que os cachorros latem?

Já compreendemos que o latido é a melhor forma do cão se expressar, mas o que será que ele pode estar querendo nos dizer?

O fato é que o latido excessivo pode ter muitos significados, desde sentimentos como tédio, tristeza, euforia ou medo, até ansiedade por uma separação, chamamento para o acasalamento (quando uma fêmea está no cio, os machos costumam latir) e outros. De maneira geral, pode-se dizer que os principais motivos passam por:

Compreender quais desses motivos se enquadra melhor no contexto do seu pet é de ótima valia para, primeiro, compreendê-los e, segundo, para direcionar a melhor maneira de diminuir o excesso de latidos.

Como fazer o cachorro parar de latir?

1 – Procure agir sempre na causa

O latido é a principal forma de comunicação do cão, portanto, nada mais natural do que alguns latidos para avisar que está com fome, sede, medo, sentindo-se sozinho, entediado ou com dor. Identificar a causa e agir sobre ela pode ser o atalho mais eficaz para cessar os latidos com mais eficiência.

Por exemplo, se você sabe que o seu cão late para avisar que está com fome, procure criar uma rotina melhor de alimentação. Ou se ele late por estar entediado ou por sentir sua falta durante sua saída, procure comprar brinquedos interativos para estimulá-lo.

2 – Nunca reaja com agressividade

Ao gritar, você deixa seu cão ainda mais excitado e, pior, vai estimular o entendimento de que na sua casa o barulho é permitido e replicado.

Os cães aprendem muito por observação, por isso costumam ficar mais calmos e tranquilos quando notam que seus tutores também estão. Por isso, prefira em vez de aumentar o tom de voz, falar de maneira firme, mas controlada/assertiva.

O reforço positivo também pode ser uma boa ferramenta nesse processo, uma vez que o processo de aprendizado com petiscos, carinho e elogios, são ótimas ferramentas para educar o cachorro.

Pouco a pouco ele vai aprender que os latidos não são, de forma nenhuma, a melhor maneira de conseguir o que deseja.

3 – Atente-se aos estímulos externos

Muitos cães latem por causa de alguns estímulos externos, como quando avistam algo estranho ou interessante, ou simplesmente como um “hobbie” enquanto ficam no portão da casa.

Muitos tutores contornam esse problema quando bloqueiam esses estímulos mais abertos. Por exemplo: o cachorro gosta de ir para a sacada latir, e faz disso uma motivação para latir em excesso. Para isso, procure fechar a sacada e a cortina para não estimular esse comportamento.

Claro, nunca confine ou prenda seu animal em um local escuro sem nenhum estímulo externo, mas procure equilibrar a sua qualidade de vida com o sossego dos outros.

4 – Nunca esqueça de fazê-lo gastar energia

Você sabia que os passeios são extremamente importantes para a saúde do seu cão? Sim! Pois, além de estar fazendo um exercício, fundamental pros músculos e condição física em geral, os cães que passeiam bastante costumam se tornar mais sociáveis, calmos e aprendem bastante sobre o mundo à sua volta, já que ficam mais acostumados aos estímulos externos.

Nesses termos, o latido em excesso também pode ser um claro sinal de que seu cachorro está lotado de energia para gastar, e o latido é praticamente um pedido de socorro. Esse é um ótimo momento para deixá-lo cansado. Claro, sempre respeitando seus limites físicos, realizando caminhadas de forma gradual e tranquila.

Além disso, o passeio é uma maneira excelente de criar laços ainda mais estreitos com seu cão, fazendo-o compreender melhor seus comandos e como deve agir para agradá-lo.

5 – Treine seu cão se necessário

Se mesmo tentando todas as opções possíveis o cachorro continuar latindo muito, a contratação de um adestrador profissional pode ser uma opção positiva para que ele analise o ambiente e a personalidade do seu pet, estruturando formas de contornar o problema.

6 – Procure sempre conversar com os vizinhos

O processo de educação dos pets não acontece do dia pra noite, por isso é importante que mantenha contato com os vizinhos incomodados, peça desculpas quando necessário e informe que está trabalhando para contornar o problema.

Trabalhe sempre com foco, paciência e inteligência!

É importante ressaltar que as broncas exageradas e até a violência não são solução alguma para casos como esses. Compreender como fazer o cachorro parar de latir é a união do entendimento de sua condição e contexto, da aplicação de técnicas que possam amenizar os casos e atitudes que possam melhorar o comportamento em conjunto com muita paciência, assertividade e persistência. Vamos tentar?

Agendamento Online
Compartilhe
Newsletter

Fique por dentro das novidades! Nossos cursos, posts interessantes, materiais didáticos e muito mais!

Explore mais artigos e dicas
acreditamos que você pode se interessar por:
12 de junho de 2024

Informe seus dados e entraremos em contato

Agendamento Online

Preencha com os seus dados e entraremos em contato