Fisioterapia ou Fisiatria Veterinária: Qual Termo Utilizar?

Fisioterapia ou Fisiatria Veterinária: Qual Termo Utilizar?

Fisioterapia ou fisiatria veterinária: compreenda a distinção dos dois termos, seus significados e atuação na reabilitação animal. Conte com a Rede Fisio Care Pet para o diagnóstico, planejamento e aplicação eficiente de técnicas de reabilitação veterinária na recuperação do seu pet

Você pode conversar com um de nossos especialistas agora mesmo. Encontre a unidade Fisio Care mais próxima de você e marque uma consulta!

A reabilitação veterinária já é uma realidade avançada no mundo animal, apresentando resultados expressivos no tratamento de diversas enfermidades ortopédicas, neurológicas e, também, nos programas de emagrecimento animal. Porém, ainda existem dúvidas na utilização dos termos fisioterapia ou fisiatria veterinária. Afinal, o que se remete cada um desses termos?

Compreendendo a Fisiatria Veterinária!

A medicina humana costuma intitular os profissionais formados na faculdade de fisioterapia como fisioterapeutas, enquanto o fisiatra é o profissional formado em Medicina com especialidade em Terapia Física e Reabilitação.

Se traçarmos um paralelo com a Medicina Veterinária, é plausível que a especialidade que trata através de técnicas de reabilitação e fisioterapia seja chamada de Fisiatria Veterinária, enquanto a titulação seja de fisiatra e não fisioterapeuta veterinário, por englobar não só as técnicas de fisioterapia veterinária, como também outros tratamentos médicos.

O fisiatra veterinário possui conhecimento em diferentes áreas da medicina animal como neurologia, ortopedia, cardiologia e outros, sempre buscando capacitar a integração do pet em seu meio social, mantendo qualidade de vida e sua independência. Claro, um fisiatra pode dedicar-se a uma área de formação e atuação mais específica de reabilitação, mas costuma ter capacitação técnica para diferentes vertentes profissionais.

Cabe ao fisiatra animal não apenas confirmar o diagnóstico de um pet doente, como também avaliar sua funcionalidade. O fisiatra tem capacitação técnica para realizar exames de diagnóstico como também para aplicação e prescrição de técnicas de tratamento como eletroterapia, hidroterapia, cinesioterapia e outros.

As diferentes aplicações e estratégias terapêuticas que buscam prevenir ou reduzir as múltiplas consequências clínicas de doenças agudas e crônicas, tem como objetivos centrais:

1 – A prevenção, detecção, diagnóstico e avaliação de deficiências, incapacidades e desvantagens de patologias;

2 – A recuperação da autonomia do pet, desenvolvendo uma reeducação funcional preservando sua qualidade de vida;

3 – A reintegração do pet a sua rotina normal com independência;

4 – A capacitação dos pets para realização natural de suas múltiplas atividades.

O caminho de reconhecimento para a Fisiatria Veterinária!

O reconhecimento da profissão se deu apenas no início deste século, apesar das notórias e bem sucedidas aplicações em equinos e pequenos animais, ainda nos anos 90 com a adaptação das técnicas utilizadas em humanos.

A lacuna visível causada pela inexistência de uma formação específica em fisioterapia para médicos veterinários, fez com que profissionais da fisioterapia humana enxergassem um nicho de mercado a explorar, mesmo contrariando os termos da lei 5.517 de 1968 ( que limita o tratamento de animais para médicos veterinários), como também impulsionou a criação do primeiro curso de pós-graduação 2002 e o surgimento do primeiro centro de reabilitação animal do país, em 2003.

Esse centro não só prestava serviços de reabilitação animal, como também consolidou e difundiu a importância da hidroterapia nos processos de reabilitação animal, importando a primeira esteira aquática para animais. A partir daí a consolidação da profissão era inevitável, surgindo desde a ANFIVET (Associação Nacional de Fisioterapia Veterinária) em 2005, como também a Resolução 850/2006 do CFMV (Conselho Federal de Medicina Veterinária), que estabeleceu que o médico veterinário é o único profissional capacitado a realizar os procedimentos de fisioterapia em animais.

Com a segurança da aplicação correta da profissão, neste mesmo período surgiram cursos de pós-graduação em Fisiatria Veterinária, empresas produzindo as primeiras esteiras aquáticas hidroterápicas em território nacional (abaixando o custo de investimento), consequentemente, facilitando o ingresso de capital e investidores na criação de mais redes de centros de reabilitação através de franquias e licenciamentos.

Conte sempre com profissionais qualificados para iniciar a reabilitação do seu animal!

A Rede Fisio Care Pet é uma empresa que atua forte na capacitação e treinamento de seus profissionais para o atendimento eficiente de fisiatria veterinária. São mais de 20 unidades espalhadas pelo Brasil com o compromisso firme de contribuir para a evolução da fisiatria veterinária, melhorando a qualidade de vida de seus pacientes, capacitando e auxiliando profissionais na obtenção de resultados expressivos em seus tratamentos e buscando sempre o bem-estar de tutores e pets.

Você já sabe agora! Precisou de fisiatria ou fisioterapia veterinária é com a Rede Fisio Care Pet. Encontre agora mesmo a unidade Fisio Care mais próxima de você ou preencha o formulário de agendamento abaixo e marque uma consulta com um de nossos especialistas.

Agende uma Consulta